QUEM ACABOU COM O FUTEBOL PINHEIRENSE, LIGA OU O PREFEITO QUE PROMETEU E NÃO CUMPRIU?

Desde o mês de Junho do ano passado, quando o atual prefeito
Filuca Mendes (PMDB), em reunião com todos os presidentes de equipes amadoras do
nosso futebol, justamente em um ano político, onde as promessas ficam mais
latentes e as pessoas com boa fé, acabam acreditando nas falácias e confiam no
prometido e são facilmente enganados. O prefeito prometera ajuda em torno de R$ 40.000,00 (Quarenta Mil
Reais) para manutenção e premiação das competições sub 18 e as três divisões sem sentido do campeonato amador de futebol. 

Como já era esperarado pelas pessoas que conhecem as praticas
mentirosas e enganadoras do atual prefeito, tudo se repetiu nessa bendita
reunião. O que foi dito, não passou de falácias e promessas, em busca de votos
para o seu filho, que mais tarde se elegeria sob o peso das enganações e, em
detrimento das custas inocentes de pessoas que lutam no dia a dia, para fazer o
futebol pinheirense, e que retiram dinheiro do próprio bolso para manter o
compromisso assumido com os atletas.

Os campeonatos de futebol amador promovido pela LPD nas 1ª,
2ª e 3ª divisão e ainda no sub 18, foram os alvos das enganações, com
promessas de patrocínio pela prefeitura de Pinheiro, algo que nunca se concretizou. Desde
então, estão aí paralisados sem que a LPD possa realizar as finais de tais
divisões, tudo por falta do pagamento do patrocínio prometido na reunião politiqueira
e arrecadadora de votos.

De acordo com o prefeito Filuca Mendes (PMDB) ele pagaria o
valor acima citado por imaginar que fazendo essa ação estaria tirando jovens
das ruas e contribuindo para o social da população pinheirenses. Vejam o que
diz em sua entrevista. “Se nós botarmos aqui 60 equipes com 20 jovens cada, já
serão 1200 jovens que estamos tirando da vida das drogas e trazendo para
praticar o esporte, só nas três categorias, se você botar os 127 povoados, cada
um com 20 jovens em cada equipe, nós estamos tirando ai mais de 2000 jovens das
mãos dos traficantes. Então através do esporte e da educação que a gente é
capaz de combater esse mal que prejudica tanto a sociedade pinheirense”,
enfatizou o prefeito Filuca. Porém, não seria tragico, se tudo isso fosse
verdade.

Na oportunidade o prefeito também teria prometido as equipes
de Madeira e Esquadrão pacaense, ambas que fariam no sábado seguinte a promessa, a
final do sub 18, mais que também foram frustrados pela enganação.

Com isso os dirigentes aguardam até hoje o recebimento do
valor prometido para a realização das finais das quatros competições. No entanto,
não se sabe absolutamente nada a respeito, pois 
nem a prefeitura e nem a LPD se pronunciam oficialmente das decisões. É certo
que a LPD até vem tentando mesmo que de forma frustrada realizar um bingo de
uma motocicleta, para ver se consegue dar fim a essas competições que estão se
arrastando desde Janeiro de 2014.

O fato é, que o futebol pinheirense engessou, nada acontece,
as competições que a LPD vinha realizando anos após anos de forma sequencial,
em 2015, sofreu uma dura derrota com a não realização dos campeonatos,
principalmente a primeira divisão, que traz equipes tradicionais do nosso
futebol no seu quadro, tudo por irresponsabilidade do poder publico, e nesse caso poderá ter o fim
mais melancolico de todos os tempos, acabar de vez com aquilo que já tinha se
tornado tradição nas noites de terça e quinta, e nos finais de semana do
pinheirense futebolista.

Que a prefeitura pague o que prometeu e que o futebol
pinheirense possa reviver dias de glorias como sempre foi.

Deixe uma resposta