PREFEITO DE PEDRO DO ROSÁRIO É PRESO EM FLAGRANTE PELA PRF COM REVOLVÉR 38 MUNICIADO NA PONTA DA ESPERA

O prefeito de Pedro do Rosário, José Irlan Sousa Serra, foi
preso nesta sexta-feira (09), durante uma operação da Polícia Rodoviária
Federal, no terminal da Ponta da Espera. A PRF ao abordar o veículo
Fiat Pálio NXG-9498/MA, que era conduzido por Raimundo Nonato Teixeira
Neto, foi perguntado ao mesmo quem era o proprietário do veículo e este
não soube informar, a situação levantou suspeitas sobre o condutor e
este foi convidado a descer do veículo.
 
Após
isso os policiais iniciaram uma revista minuciosa no veículo e o
passageiro, o prefeito Irlan Serra teria questionado a abordagem da PRF e
afirmou que o carro era locado, mas não conseguiu comprovar a locação.
Durante
a revista, os policiais encontraram um revólver calibre 38 de numeração
PL474362 com 06 munições intactas, o condutor do veículo informou que a
arma era do prefeito, que negou a propriedade da arma.
Então
foi dado voz de prisão a todos os ocupantes do veículo. O prefeito
Irlan Serra ofereceu resistência à prisão e foi feito o uso progressivo
da força necessária para realizar a prisão, inclusive sendo necessário
algema-lo.
Os
demais passageiros que foram conduzidos para a Polícia Federal foram:
José Irlan Sousa Serra; José Kelvécio Rodrigues Alves; Evandro Luís
Matos Pereira; Lidiane Neres Soares; Rubenita de Moura Lobato Bezerra e
Raimundo Nonato Teixeira Neto, em um total de quatro homens e duas
mulheres, todos ocupantes do Pálio. O prefeito Irlan Serra, que é irmão
do suplente de deputado estadual Toca Serra (PTC), está preso na Polícia
Federal, onde será lavrado o flagrante.
FONTE: JORGE ARAGÃO

Deixe uma resposta