PRESOS SUSPEITOS DE MATAREM MÃE E FILHA NO BAIRRO SOL E MAR EM SÃO LUÍS

Conforme havia prometido o Blog do Professor Sandro Lima, que assim que tivesse uma informação concreta sobre os verdadeiros assassinos da Mãe e da filha, caso ocorrido no conjunto Sol e Mar em São Luís (MA), assassinatos amplamente noticiado por todas as mídias inclusive por nós, hoje trazemos as prisões do acusados do duplo homicídio.
Foram presas na madrugada desta quarta-feira (25) seis pessoas suspeitas
de terem participado do duplo homicídio que vitimou, no último dia 16,
Vânia Sousa Araújo, de 48 anos, e Patrícia Araújo Castro, de 19 anos. Os
suspeitos, que foram autuados por equipes das Polícias Militar e Civil,
são Leonardo dos Santos Passos, 20 anos, Fabrício Soeiro Vieira, 19, e
mais quatro menores, sendo que três com 17 anos e um de apenas 16 anos
de idade.
De acordo com o investigador Joelson Costa, do 7º DP, localizado no
bairro do Turu, em São Luís, as investigações sobre o caso já estavam em
andamento desde o dia da morte das vítimas. Segundo ele, os suspeitos
foram surpreendidos no bairro do Sol e Mar, e foram encontrados em posse
deles uma televisão, home theater e celulares que teriam sido roubados
da casa da mãe e filha mortas.
Ainda conforme ele, o crime teve motivação passional, pois duas menores
que participaram do crime afirmaram, em depoimento, que dias antes dos
homicídios haviam brigado com Patrícia Araújo, pois ela estaria
“flertando” com os seus namorados. Com raiva, Patrícia decidiu
ameaçá-las dizendo que usaria de magia negra caso elas voltassem a
incomodá-la.
Amedrontadas, as menores decidiram procurar quatro rapazes que
concordaram em ir até a residência das vítimas e matá-las estranguladas.
No depoimento, os suspeitos que também agrediram Pedro da Conceição
Castro, considerado até então o principal suspeito pela polícia,
afirmaram que roubaram alguns pertences de dentro da casa das vítimas.
Leonardo dos Santos Passos e Fabrício Soeiro Vieira serão encaminhados,
ainda nesta quarta-feira, para o Centro de Triagem de Pedrinhas. Já os
menores envolvidos no crime serão apreendidos em um Centro de
Ressocialização. Pedro da Conceição Castro será posto em liberdade
também nesta quarta.
Entenda o caso
Vânia Sousa Araújo e Patrícia Sousa Araújo foram encontradas mortas no
fim da manhã do último dia 16 de março, dentro da casa onde morava
localizada na Travessa Maria Alice, no bairro Sol e Mar, em São Luís. O
marido e padrasto Pedro da Conceição Castro estava sendo considerado
suspeito dos crimes, pois ele se contradisse em alguns momentos do
depoimento, o que reforçou a linha de investigação da polícia.

Deixe uma resposta